Meu carrinho de compras
Carrinho Vazio

Muda de Caju Anão Brs 226 Enxertado com 60cm

0 Opiniões

Não disponível

Enviar
Avise-me quando estiver disponível
Descrição Geral

Muda de Caju Anão Brs 226 Enxertada com 80cm

 

Foto 2 imagem original do produto!

Planta produzida pelo método de clonagem, garantindo a produção precoce de frutos!

 

Há três anos, os sertões do Nordeste do Brasil encaram uma das mais severas secas de que se tem notícia. Nesse período, muitos pomares de cajueiro foram dizimados. Alheio a isso, o clone de cajueiro anão-precoce BRS 226 (Planalto), surpreende pela produtividade, que já chegou a 800 quilos de castanha por hectare em propriedades do Piauí. 
 
Essa variedade tem se mostrado mais resistente a pragas e doenças, como a resinose – uma das principais enfermidades do cajueiro nos grotões e chapadas do Semiárido nordestino.
 
Lançado pela Embrapa em 2002, o BRS 226 é recomendado para plantio comercial de sequeiro no Semiárido. É de pequeno porte, na fase adulta raramente ultrapassa os três metros de altura, permitindo que os frutos possam ser colhidos com as mãos. O clone é recomendado para o mercado de amêndoa, mas seus pedúnculos, ou falsos frutos, vêm agradando também as indústrias de sucos. 
 
No sudeste do Piauí, conforme o pesquisador da Embrapa Agroindústria Tropical (CE) Luiz Serrano, o clone encontrou excelente aceitação. "Podemos afirmar que há, entre os produtores daquela região, uma ‘febre' do BRS 226. Todos os produtores querem plantar esse clone da Embrapa", diz o pesquisador. Segundo Serrano, tanto as mudas quanto as castanhas do BRS 226, devido à alta demanda, apresentam preços mais elevados que os demais materiais.
 
"Comparando-se com os outros, aqui para a nossa região, podemos dizer que nenhum é parecido". A avaliação é do engenheiro-agrônomo José Orlando Matheus – gerente da fazenda Planalto, em Pio IX (PI). A Planalto é uma das propriedades da Companhia Industrial de Óleos do Nordeste (Cione) – empresa que detém o título de maior produtora mundial de caju.
 
Conforme Matheus, o BRS 226 apresentou, em 2013, produtividade de 800 kg de castanha por hectare. Ele explica ainda que o clone é o primeiro a começar a produzir e o último a parar, além de ser resistente à maioria das doenças e pragas que acometem os pomares da região. "A única coisa que consegue matar o 226 é a broca-da-raiz", diz. Atualmente, 500 hectares da fazenda são ocupados pelo clone e a tendência é chegar, nos próximos anos, a, pelo menos, 2 mil hectares. 

                         Clima Ideal: Tropical 

                            Produz em Vasos!!

Aproveite o mesmo frete e compre junto o Kit Frutíferas em Vasos.  Kit completo, tem tudo que você precisa para ter uma planta saudável e Super Produtiva!

Nossas mudas são Super Produtivas!!

Enviamos até 10 mudas no mesmo frete.  

Nossas embalagens são específicas  para transporte de plantas.

 

Dicas de Cultivo

Cultivo no solo

Escolha bem o local (cultive em sol pleno)

Para cada planta faça uma cova de 40cm de  largura e 80cm de altura.

Misture bem a terra com adubo orgânico ou NPK 10-10-10, para garantir o solo sempre úmido e acrescente também  bastante folhas secas ou capim.

Dica de adubo orgânico: Mistura em partes iguais de torta de mamona com farinha de osso, húmus de minhoca, calcário para correção alcalina do PH do solo. (EXCETO PARA MIRTILOS pois necessitam do solo ácido).

Outra opção de mistura é esterco de codorna (alta concentração de nitrogênio) com folhas secas.

Preencha a cova com essa mistura adubada. Importante deixar a mistura bem fofa para facilitar o crescimento das raízes.

Plante a muda como seu torrão e tenha cuidado para não enterrar demais o seu tronco.

Regue a planta 1 vez ao dia nas primeiras 2 semanas, depois regue somente 2 vezes por semana.

Faça a poda de contenção sempre que houver necessidade.

Adube a sua planta 3 vezes ao ano com adubo orgânico para não compactar o solo.

Siga essas dicas e você terá sua planta sempre saudável e produzindo flores e frutos.

 

Cultivo em vasos

Hoje em dia é possível plantar quase todas as mudas em vasos com essas dicas!

 

Tamanho ideal de vaso: 50 Litros

Drenagem: No fundo coloque uma camada de 8cm de brita (pedra de construção) e para drenar bem a água adicione mesma medida de areia de obra.

Complete o vaso com a mistura de terra adubada na proporção de: 70% de terra vegetal com 30% de fibra de coco misturado com adubo orgânico que pode ser húmus de minhoca ou esterco de codorna misturado com farinha de osso com torta de mamona ou NPK 10-10-10 misturado com folhas secas.

Plante a muda como seu torrão e tenha cuidado para não enterrar demais o seu tronco.

Cubra a terra com argila expandida para não compactar a terra deixar sempre as raízes úmidas.

Regue a planta 1 vez ao dia nas primeiras 2 semanas, depois regue somente 2 vezes por semana.

Exponha a planta ao Sol pelo menos 4 horas por dia.

Faça a poda de contenção sempre que houver necessidade.

Adube sua planta 3 vezes ao ano.

Siga essas dicas e você terá sua planta sempre saudável e produzindo flores e frutos.

 

 

Ficha técnica
Código 133
Categoria FRUTÍFERAS
Avaliações

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.